17 de dezembro de 2010

Ensaio sobre o perfeccionismo

 Segundo os dicionários, perfeccionismo é a “tendência, patológica, em procurar exageradamente a perfeição”. O que acho interessante, nessa definição, é que não há dúvida, pelo uso do termo “patológico” que esse excesso de zelo é como uma doença. Eu mesma já me rotulei inúmeras vezes de “perfeccionista”, como se isso fosse uma virtude a ser louvada. E, não por acaso, muitos hoje em dia têm a mesma postura: com a competitividade tão acirrada atualmente, parece que cada um tem a obrigação de buscar o perfeito.
 
Desenho: a minha arte

Entretanto, o que é a perfeição? Com o tempo, fui descobrindo que o perfeccionista é simplesmente uma pessoa sistemática que não aceita o estilo, a arte, a criatividade. Pois não será que, muito além da forma perfeita, não pode haver um conteúdo surpreendente? Para mim mesma, resolvi abandonar o rótulo de perfeccionista: não é uma virtude. Essa minha desvinculação do perfeito foi acontecendo conforme fui descobrindo e desenvolvendo em mim a arte, pois, para ela, o belo não tem limites e não há definição de perfeição.


Ah, mas talvez quando você se considere perfeccionista, você queira apenas dizer que procura sempre fazer o melhor de si, dentro do possível. Então você é cuidadoso e exímio no que faz, talvez seja o melhor. Nós, que queremos a maestria do que fazemos, somos simplesmente como todos os outros. Aliás, não deixo de recomendar que, se for fazer alguma coisa que leve o seu nome, faça com capricho. Não pelos outros, mas por você, pois sua fama lhe acompanhará sempre. Quanto ao perfeccionista, começo a acreditar que é apenas uma pessoa orgulhosa a ponto de não conseguir receber críticas ou sugestões de melhoramento, como se tudo o que ela fizesse fosse inalcançável pelos outros.


Então aqui vai uma sugestão muito pessoal: deixe para lá o orgulho e não se orgulhe do perfeccionismo. Na relação com os outros, aceite o diferente, e, se for para exigir, só exija o capricho, pois a sua concepção de perfeição não representa coisa alguma a não ser o seu próprio gosto e seu próprio objetivo. Todos sabemos que, para diferentes pessoas, o melhor não é o mesmo. Portanto, saiba admirar o que vem dos outros, ampliando sua visão de mundo, em vez de limitá-la a um viés pessoal. E, acima de tudo, admire o que vem de si próprio sem considerar uma pretensa infalibilidade.

Autora: Érica Marina

4 comentários:

  1. 1 - Ao caminhar pelo perfeccionismo chega-se a maestria. O conhecimento e o pragmatismo dão a espontaneidade necessária a arte.

    2 - Você ficou bonita Loira.

    ResponderExcluir
  2. hehehehe! Eu? Loira? Puxa, esse desenho não sou eu... apenas fui eu que fiz! Mas fico lisonjeada por ser confundida com uma mulher tão linda.

    ResponderExcluir
  3. Érika
    Eu sou perfeccionista. Fui também professor e tive diversos alunos perfeccionistas. Só nós sabemos o quanto sofre um perfeccionista. Não acho, em meu caso ou de meus alunos, que seja algo vinculado à orgulho. Simplesmente um nível de exigência descomedido. Falo isso porque, nem em meu caso ou de outros que conheço, os perfeccionistas queriam ser os "primeiros ou melhores" em tudo. Só queriam que seus trabalhos fossem perfeitos. A maioria de nós perfeccionistas não acredita que outros possam fazer com a mesma perfeição que fazemos, não por nos acharmos melhores, mas por reconhecermos que outros não têm a nossa "doença". Da mesma maneira nos apaixonamos por aqueles que conseguem realizar um trabalho perfeito, às vezes, melhor até que os nossos, não sendo eles, necessariamente, perfeccionistas.
    Abs!

    ResponderExcluir
  4. Obrigada pelo comentário, Renato! Mas acredito que, com um pouco de autoanálise, fica fácil associar essa descrição que você fez ao orgulho. O difícil mesmo é admitir para si próprio...
    O meu texto não é necessariamente uma crítica a todo e qualquer perfeccionismo, mas um alerta, pois ele pode ser prejudicial. Uma matéria sobre isso:

    http://migre.me/3axRr

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget