15 de fevereiro de 2011

Pessoas-testemunho

Em cada aspecto difícil da nossa vida, existe uma pessoa que nos serve como um testemunho. Seja de fé, de honestidade, de esperança, de força de vontade, de amor, de amizade. Mas quando nós precisamos, tem uma pessoa lá, à nossa frente, querendo mostrar que nós podemos acreditar.

E é simplesmente isso que todos nós precisamos intimamente: queremos acreditar. No nosso âmago, precisamos mesmo é de ter fé: no amor, na vida, em que tudo dará certo, nas pessoas que nos cercam, no destino que temos, nas escolhas que fizemos. A maioria das pessoas do mundo deposita essa fé em um Deus, que lhe dá mais força. Mas até quem insiste em negá-Lo precisa acreditar em alguma coisa. Senão a vida fica vazia e sem sentido!

Entretanto, certas vezes, mesmo tentando manter a fé, podemos deixar de acreditar no próximo ou deixamos de acreditar que o nosso rumo é o correto. Parece tão mais fácil seguir o caminho torto... É nesse momento que precisamos de uma pessoa-testemunho. Ela surgirá, mesmo que não seja identificada como tal.

Em um trabalho ruim, um colega lhe salva o dia. Quando você quase desiste da vida, alguém com mais dificuldade lhe mostra o que é persistência. Se você desacreditar das pessoas, aparece alguém de valor que lhe mostra que os bons princípios se encontram nas mãos corretas. Se você não aposta mais no amor, alguém lhe rouba o coração para lhe ensinar a amar.

Porque o fato é que, por mais que o mundo esteja repleto de desesperanças, há sempre alguém como você lá fora. Nem sempre no amor, porque nem sempre é a hora, mas alguém que irá lhe completar no companheirismo, na amizade, no conhecimento, na situação de vida. E cada uma dessas pessoas lhe ajudará a construir quem você é. Como você deve estar sempre buscando o melhor material para se construir, procure, modificando o seu próprio jeito de ser, as pessoas que atrairá para construir uma ilha de virtudes no mar revolto da vida.

Autora: Érica Marina

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget