8 de março de 2011

Dia internacional da mulher

A sociedade ao longo dos tempos desconfigurou o ser humano. Certas coisas deveriam ser de mulher, e outras deveriam ser de homem. E cada um dos gêneros ficou apenas com a metade do que é possível uma pessoa ser. As mulheres, que foram a parte mais reprimida, têm lutado para reconquistar o seu espaço. Mas os homens também têm se redescoberto, muitas vezes por ver que o papel antigo não lhe cabe mais.

Hoje, as pessoas não precisam mais se atribuir apenas a parte que lhe cabia antes. Que a mulher saiba se autossustentar, não se limitando a ser a parte frágil. E que o homem possa se cuidar e ter a percepção e o sentimentalismo diante da vida – que não precisam ser arrancados de si à força como se faz a uma erva daninha.

Assim, que cada ser humano possa ser um todo, buscando no outro o complemento que naturalmente lhe falta, ao invés de propositalmente subtrair de si algumas de suas potencialidades. Parabéns às mulheres por marcharem rumo à retomada de si mesmas, modificando o mundo a partir de suas relações interpessoais.


Autora: Érica Marina


(in English)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget