7 de janeiro de 2013

Mais uma oportunidade de recomeço


Somos pobres seres humanos querendo coisas simples e complicando tudo. Estamos a todo momento buscando dar o próximo passo, apressados, sem nos permitir dançar. Mas olhamos para trás e queremos ter vivido mais intensamente. Focamos nos aspectos menos importantes da vida, e nos sobra preguiça para o que realmente importa. Jogamos jogos de amor, mas não sabemos lidar com eles: só queremos o amor em si. Sofremos com expectativas, porém não agradecemos a realidade. Brigamos à toa e deixamos o desentendimento ser emoldurado pelo orgulho. Desejamos o perdão, mas não sabemos esquecer. Queremos ser melhores, mas insistimos nas nossas manias.

Falta o ímpeto de sair do sofá para irmos onde realmente queremos estar. Falta a coragem para ser sincero quando a honestidade nos acrescentaria. Falta o entendimento de que o que perdemos na vida ajuda a construir o que nos orgulha. Falta a vontade real de ser quem nós achamos que deveríamos ser... ou falta a pacificação de cada um nós mesmos com seu próprio eu.

Neste novo ano quero verdadeiramente a paz, intensamente o amor e uma nova chance para mim. Para isso, estou calculando meus passos, colocando sobre mim a responsabilidade, mas tirando algum peso dos ombros. Levarei o que for preciso. Se for pesado, mas importante, eu aguento mais um pouco. Se for pesado e desimportante, doarei a quem interessa.

Autora: Érica Marina


Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget