11 de setembro de 2017

Seu espaço, meu espaço

Sabe, na boa,eu estou cansada de ver um ser humano invadindo o espaço do outro.
É disso que tudo quanto é discussão e mimimi trata. Vamos parar com isso, que já cansou! Não estou a fim de ouvir ladainhas que não me convencem bem como tenho preguiça de continuar defendendo meu espaço.
Quer ser o que você quiser?! Seja! Você não precisa cutucar quem está do lado ou esfregar alguma coisa na cara de quem não é como você.
Você tem sua liberdade, sim! Mas até onde vai a do outro. Não se esqueça. Você pode fazer o que quiser APENAS se não estiver infringindo o direito de alguém.
E deixa eu ser quem eu quiser ser sem me encher a paciência, ok?! Quem é melhor?! Esse manso que não fala nada e invade meu espaço ou eu que brigo pelo que é meu, apenas como resposta?!
Do que que eu estou falando?!
De tudo. Condição humana ou opção comportamental, qualquer que seja.
Quando é que a gente vai chegar na síntese dessa dialética acelerada e louca!?
Já deu.
Fica aí na sua, que eu fico na minha.
Tem lugar ao sol pra todo mundo, queridos.

28 de agosto de 2017

Mais elegância, por favor.

Sim, desculpe o jejum de textos... Há três anos não escrevo!

Eu tenho chegado à conclusão que toda as virtudes desejáveis se resumem a três: bondade no coração, retidão de caráter e elegância.
Se bondade e honestidade eu já tenho em mim, tenho me empenhado em dar especial atenção à elegância, por que é a que mais precisa de aperfeiçoamento. Uma pessoa elegante:
- Não altera o tom de voz
- Não toma partido
- Não manda recado
- Sabe quando falar
- Sabe quando calar
- Não se impõe
- Não humilha
- Não disputa atenção
- Não menospreza
- Não causa tumulto

Um abraço no coração de quem lê!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget